Expectativas e novos negócios

A edição 2015 do evento recebeu importadores, lojistas, distribuidores e fabricantes, que conheceram novos produtos e lançamentos, concretizaram negócios e parcerias.

DRZ_6489

Segundo José Estévez, conselheiro comercial do México em SP (ProMéxico) o setor têxtil e de confecção é muito importante para o país. Quarto maior exportador da América Latina e 15º no ranking mundial, o país participou do evento com o intuito de desenvolver maior colaboração na cadeia têxtil brasileira. “Viemos promover nossos produtos, mas também desenvolver novas parcerias”.  

Expositor do evento, a Confecções Finu Fill não só apresentou seus produtos – alças soldadas para sutiã e moda íntima feminina com modelos sem costura, cortadas a laser, como também encontrou um potencial fornecedor para o segmento de lingerie. “Desenvolvi, em parceria com uma tecelagem nacional, um tecido de poliamida com elastano, especial para esta linha de moda íntima. Foram cerca de três anos para chegarmos ao produto ideal, mas este parceiro fechou as portas no último ano e estamos sem a oferta desta matéria-prima. Além de ser uma vitrine, na GOTEX SHOW pude encontrar um possível novo fornecedor que consiga atender minha necessidade”, comentou Antônio Alberto Peres, gerente comercial da empresa.

Também em busca de novas oportunidades a Maxxibrands, trading company voltada ao varejo de exportações, incluindo o setor de moda e vestuário, trouxe para a feira as marcas: CajuBrasil, Grupo Marcyn, Long Island, Mar Rio e Remo Fenut Camiseiro. Segundo Lucas Bonfim, do departamento de exportação, entre os itens mais procurados estavam moda praia e fitness, produtos que carregam o design nacional como valor agregado.

Os expositores ainda apostaram em novos produtos para ampliar seus mercados. A Ascentex, empresa de Cingapura especializada em fios e filamentos, apresentou na feira um lançamento voltado para as linhas praia e moda fitness. “Hoje, nosso maior mercado concentra-se no Sul e em SP, nas vendas de viscose e poliéster texturizado”, destacou Thais Correa, gerente de desenvolvimento de negócios.